MASP lança materiais e organiza live sobre exposição coletiva Histórias da Dança

23/11/2020 - Por ArtRio

Devido a ajustes orçamentários e de logística que  precisaram ser feitos no contexto da pandemia, a exposição coletiva Histórias da Dança, originalmente programada para ser exibida no MASP entre os meses de junho e novembro desse ano, não pode ocorrer fisicamente como havia sido planejada. Ela reuniria mais de 200 obras de arte nacionais e internacionais, entre performances ao vivo, vídeos, pinturas, tecidos, esculturas, desenhos, instalações comissionadas e documentação de arquivo.

A solução encontrada pelos curadores, Adriano Pedrosa, diretor artístico do MASP, Julia Bryan-Wilson, curadora adjunta de arte moderna e contemporânea, e Olivia Ardui, curadora assistente, foi a de apresentar ao público uma memória parcial do que teria sido Histórias da dança – afinal, esse também é o ciclo temático que guia a programação do museu em 2020. O material será apresentado então na forma de um espaço especial no site do museu, uma antologia, um catálogo e uma live com as curadoras.

No site (masp.org.br/historiasdadanca) são apresentados textos resumidos sobre os núcleos expositivos e imagens de grande parte dos trabalhos da mostracatálogo, disponível para venda no site da instituição, servirá de registro do que seria a exposição e contemplará ensaios dos curadores, lista de artistas, textos abrangentes sobre os núcleos que dividiriam a exposição e quais obras ocupariam cada uma dessas seções. A antologia, também à venda, reúne 28 textos de referência e derivados das apresentações dos seminários internacionais sobre o tema organizados entre 2018 e 2020. São materiais que foram fundamentais para a curadoria desenvolver o projeto da exposição.

No dia 30 de novembro, as curadoras Julia Bryan-Wilson  e Olivia Ardui apresentam o processo de realização da mostra Histórias da Dança e as publicações relacionadas à ela. A conversa será em inglês, mas será legendada posteriormente e disponibilizada no IGTV e no canal do museu no YouTube.


A exposição pode ser vista de forma virtual em: masp.org.br/historiasdadanca

A conversa entre a curadoras poderá ser vista no dia 30/11, às 18h, em @masp


Na imagem: Denilson Baniwa, Natureza Morta I, 2014, acervo MASP, doação anônima, no contexto da exposição Histórias da Dança, 2020

x Posso ajudar?