ArtRio | 14 a 18 de setembro de 2022 ArtRio | 14 a 18 de setembro de 2022

ArtRio Educação chega ao Caxias Shopping!

27/06/2022 - Por ArtRio

Iniciado em 2019, o projeto ArtRio Educação – uma parceria com a Aliansce Sonae – apresenta em 2022 uma nova proposta de exposição e oficinas inteiramente dedicadas à arte brasileira e que tomam como ponto de partida o centenário da Semana de Arte Moderna de 1922. Após passar pelo Shopping Grande Rio, o projeto chega hoje, 27 de junho, ao Caxias Shopping, onde poderá ser visitado até dia 17 de julho. Confira a seguir a programação e um pouco do que você encontra por lá.

A praça de eventos do 1º piso do Caxias Shopping está movimentada! Começou hoje por lá, 27 de junho, mais uma edição do ArtRio Educação. Após passar pelo Shopping Grande Rio, os totens ilustrados e oficinas diárias de artes agora agitam os corredores do Caxias, que recebe visitas de escolas e famílias interessadas em conhecer e entender que curiosa jornada com formato de labirinto colorido é aquela.

Contando com a curadoria da professora e pesquisadora Fernanda Lopes, o caminho parece mesmo um convidativo labirinto. Ali, lado a lado, estão diferentes artistas e ilustrações das obras mais emblemáticas da nossa história. E diferente é a palavra-chave aqui. Com chamadas didáticas e que convidam o público à reflexão, a exposição, ‘Caminhos da Arte Moderna Brasileira’,  propõe uma leitura sobre o que, das formas mais distintas, vem compondo o que chamamos de arte brasileira.

O ponto de partida é a Semana de Arte Moderna que em 1912, exatamente 100 anos atrás, reuniu no Teatro Municipal de São Paulo, entre 13 e 17 de fevereiro, artistas visuais, músicos, escritores e intelectuais da época. Considerado um marco importante do início do modernismo nas artes visuais no país, o evento centenário promoveu a pergunta “O que é a arte brasileira?”, que começou a ganhar força ainda nos anos 1910, foi fio condutor dos anos 1920, reverberou em grande parte da produção cultural nacional até os 1950, e ganhou novos contornos na passagem para a arte contemporânea, entre os anos 1960 e 1970. Com curadoria de Lopes, o projeto do ArtRio Educação apresenta nove artistas de diferentes vertentes poéticas, origens geográficas, e possibilidades de entendimento do que poderia ser entendido como essa “brasilidade”. Tarsila do Amaral, Vicente do Rego Monteiro, Heitor dos Prazeres, Djanira Motta e Silva, Maria Martins, Flavio de Carvalho, Waldemar Cordeiro, Abdias Nascimento e Hélio Oiticica, representados cada um com uma obra-ícone de suas produções, discutiram possíveis respostas, com diferentes chaves de leituras e abordagens, sobre o “Brasil”.

Confira a seguir os cinco shoppings administrados pela Aliansce Sonae no Rio de Janeiro pelos quais a ArtRio Educação vai passar e programe-se! Durante o período da exposição, os shoppings terão espaços instagramáveis e atividades focadas no público infantil para incentivar as crianças a explorarem a arte na prática.

   

 

Conheça a programação do ArtRio Educação 2022

Shopping Grande Rio
06 de junho a 26 de junho

Shopping Caxias
27 de junho  a 17 de julho

Via Parque
18 de julho a 07 de Agosto

Shopping Bangu
08 de agosto a 28 de agosto

Carioca Shopping
29 de agosto a 18 de Setembro

 

Artistas dessa edição

Tarsila do Amaral  (1886-1973)

Vicente do Rego Monteiro  (1899-1970)

Heitor dos Prazeres  (1898-1966)

Djanira da Motta e Silva  (1914-1979)

Maria Martins  (1894-1973)

Flavio de Carvalho  (1899-1973)

Waldemar Cordeiro (1925-1973)

Abdias Nascimento (1914-2011)

Hélio Oiticica  (1937-1980)

 

Sobre a curadora Fernanda Lopes

Crítica de arte e pesquisadora, Fernanda Lopes é doutora pelo Programa de Pós-Graduação da Escola de Belas Artes da UFRJ e professora da Escola de Artes Visuais do Parque Lage (RJ).

Organizou, ao lado de Aristóteles A. Predebon, do livro Francisco Bittencourt: Arte-Dinamite (Tamanduá-Arte, 2016). É autora dos livros Área Experimental: Lugar, Espaço e Dimensão do Experimental na Arte Brasileira dos Anos 1970 (Bolsa de Estímulo à Produção Crítica, Minc/Funarte, 2012) e “Éramos o time do Rei” – A Experiência Rex (Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça, Funarte, 2006). Entre as curadorias que vem realizando desde 2008 está a Sala Especial do Grupo Rex na 29a Bienal de São Paulo (2010).

Foi Curadora Assistente do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (2016-2020) e Curadora Associada em Artes Visuais do Centro Cultural São Paulo (2010-1012). Desde 2010 participa de júris de editais. Desde 2004 é colaboradora freelancer com críticas e artigos especiais em jornais, revistas e websites, brasileiros e internacionais.

Em 2017 recebeu, ao lado de Fernando Cocchiarale, o Prêmio Maria Eugênia Franco da Associação Brasileira dos Críticos de Arte 2016 pela curadoria de exposição Em Polvorosa – Um panorama das coleções MAM-Rio. É membro do Conselho Editorial da revista Concinnitas (UERJ).


ArtRio Educação: Caminhos da Arte Moderna Brasileira
Caxias Shopping – Na praça de eventos do 1º piso
Rodovia Washington Luiz, 2.895 – Duque de Caxias
27 de junho a 17 de julho de 2022

ArtRio Marketplace


Patrocinadores


A ArtRio utiliza cookies para personalizar a experiência do visitante em nosso site, analisar dados e ajudar em iniciativas de marketing. Ao clicar em “aceitar”, você está concordando com os nossos termos.