Cinemateca MAM | Debate da mostra Mulheres de Luz Própria (online)

04/01/2021 - Por ArtRio

A mostra Mulheres de Luz Própria reúne a produção de três mulheres de uma mesma família com ampla atuação no campo cinematográfico: as atrizes Helena Ignez e Djin Sganzerla, e a produtora, montadora e pesquisadora Sinai Sganzerla. Mãe e filhas tornaram-se diretoras de grande força, ora tensionando passados e heranças coloniais, modernistas e neo-liberais, ora opondo em relevo novos caminhos coletivos, xamânicos e feministas. Cada uma delas à sua maneira e em diferentes chaves temáticas e de gênero, dialoga de forma livre e sólida com as linhas de força do cinema brasileiro contemporâneo, interagindo umas nos filmes das outras, e compondo um dos mais instigantes painéis de continuidade e renovação da arte brasileira. Partindo do diálogo com a obra do companheiro e pai Rogério Sganzerla, Helena, Sinai e agora Djin incursionam com desenvoltura das origens da (in)civilização brasileira à globalização, sob a forma de documentários de arquivo, experimentos dramáticos e corpóreos, e celebração do cinema e da arte.

A mostra dá continuidade à divulgação do cinema brasileiro contemporâneo que a Cinemateca tem promovido em sua plataforma on-line.

Roda de conversa: Dia 20/Jan (via Youtube e Facebook do MAM Rio)
Mulheres de luz própria, conversa com as realizadoras Helena Ignez, Sinai Sganzerla e Djin Sganzerla. Mediação: Ruy Gardnier.


Na imagem: Still do filme “Feio, eu” de Helena Ignez.

x Posso ajudar?